sábado, 12 de outubro de 2013

É tristeza, é felicidade


- Estás triste?
- Não mãe, estou muito feliz.

Ver o meu padrinho chorar quando todos estávamos tão felizes fez-me recordar os meus tempos em que morava longe de casa. Aqueles tempos em que me vinham as lágrimas aos olhos por pensar que não podia estar com todas aquelas pessoas sempre que quisesse. E fez-me pensar que um dia que tenha de sair do país vou voltar a sentir-me assim, vou voltar a sentir as lágrimas nos olhos quando estiver cá com toda a família. 
Quando o vi chorar, o meu padrinho que é das pessoas mais fortes que eu conheço, desviei a cara. Porque eu também já me senti assim e porque o compreendia. Era um misto de tristeza e felicidade.

3 comentários:

Amy ☮ disse...

dá-lhe miminhos! :)

r: É MEEEEEESMO ISSO QUE EU PENSO! OMG! x) um namorado para as horas vagas, perfeito x)
nem mais nova nem mais velha! está cada vez mais a deixar-se esse hábito :/
o meu telemóvel é samsung e gosto da marca! :)
e não ahahaha
MEEEEEEEEEEEEESMOOOOOO!!!! CREDO! e quando aqueles homens com 50 anos partilham fotos de raparigas com 14-16? nossa senhora, que medo!
mas se te aparecer um balança não recuses, pá x)
eu não fiquei fascinada com nenhum! nem com a mafalda gomes que toda a gente adorou - achei-a demasiado... forçada, não sei :s
não apareci! eles gravaram mas não apareci :s

A. M. disse...

dá-lhe um abraço :)

Hibiscus disse...

Sair do pais não deve ser fácil pelo menos para mim acho que não seria.